2017 - o (re)início da caminhada

Muito já se disse, na virada do ano, sobre 2017. Ano de recomeço, ano de fechamento de ciclos e de início de outros, ano do Galo, etc.

Sim, isso tudo. Energias renovadas para mais um ano de lutas contra retrocessos, contra desmandos e a favor dos direitos cidadãos.

Mas há dois aspectos a serem destacados para este 2017: um deles é o tema da Campanha da Fraternidade - "Biomas brasileiros e o Direito à Vida". O outro está relacionado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Em relação à Campanha da Fraternidade, há que se ressaltar a força da igreja católica em colocar, continuamente, as questões socioambientais na pauta de suas comunidades religiosas, como que buscando reforçar que não há dissociação entre homem/mulher e ambiente. Somos animais, somos filhos da Terra, somos fruto de um processo de evolução da vida e de de todos os elementos naturais existentes neste planeta. A manutenção da qualidade ambiental e do equilíbrio dos biomas é fundamental para manter as condições de vida para nós, humanos. E, de forma clara, nos faz relembrar da tragédia socioambiental gerada pelo crime ocorrido em Mariana/MG, que acabou com a vida no Rio Doce.

A comunidade católica estará frente a frente com este tema em todos os encontros, sendo que os sacerdotes poderão explorar a realidade local e regional afim de mobilizar a população para garantia da manutenção das condições de vida.

Quanto aos ODS, estamos em fase de implementação dos objetivos e início da mobilização em prol destes objetivos. A partir disso, devemos buscar atingir as metas propostas em cada localidade, em cada comunidade, para que a nação brasileira cumpra com seus compromissos e contribua com todo o esforço planetário visando reduzir as desigualdades e os impactos socioambientais negativos.

Ou seja, 2017 vem com força, não apenas nos aspectos numerológicos...


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square